Palavra do Reitor

Lorena, 1º de Agosto de 2016.

 

À

Comunidade Acadêmica da FATEA

 

É com grande alegria que, neste momento de retorno às aulas, comunico o reconhecimento de nossa instituição como Centro Universitário. Um reconhecimento  que honra a missão que desenvolvemos há 60 anos.  Neste momento feliz, recordamos os motivos da fundação e existência da FATEA, que continuam plenamente válidos em nossa vocação de preparar pessoas e cidadãos com elevada formação acadêmica e, igualmente, elevado senso de valores, a partir de uma visão humano-cristã sobre a pessoa, o mundo e as atividades humanas.

 

Esse reconhecimento é o coroamento de todo o trabalho desenvolvido em nossa instituição. Tudo o que fazemos – nas salas de aula, nos laboratórios, biblioteca e na comunidade externa – tudo conduz a este momento, em que temos feito mais do que formar profissionais altamente qualificados, nas mais diferentes áreas do conhecimento. Temos pesquisado, gerado conhecimento, incentivado as artes e a cultura e, acima de tudo, temos interagido com a sociedade, onde nossa presença se tornou imprescindível.


O Centro Universitário Teresa D’Ávila – Unifatea – é um sonho tornado realidade, uma obra de construção coletiva, cujo sucesso continuará dependendo do trabalho, dedicação, competência e envolvimento de toda a comunidade.  Tornamo-nos Centro Universitário, mas isso por si só não basta. O desafio permanece na necessidade de avançarmos permanentemente, superando nossos feitos a cada tempo, empenhando-nos  na construção de um Vale do Paraíba mais forte, contribuinte efetivo de um Projeto de Nação, para o qual a educação, a ciência, a cultura e as artes são fundamentos indispensáveis e permanentes.

 

Nesse momento histórico de crise dos paradigmas de organização social e política, nossa Instituição precisa  permanecer firme na missão de combinar os benefícios da ciência e da tecnologia, a fim de  alcançar  estabelecimento de formas mais justas e harmoniosas de organização social na qual prevaleçam a liberdade, a justiça social e o respeito à dignidade humana.

 

Que nos acompanhem as bênçãos do Espírito Santo de Deus e que em nossa jornada, neste segundo semestre, possamos consolidar em nossa missão como comunidade educativa o lugar de formação cultural, humana e espiritual dos jovens! Que sejamos um espaço de vida, no qual as novas gerações possam se preparar para ser protagonistas da construção do mundo de amanhã; um lugar aberto, de bom convívio e universal, no qual os múltiplos e diferenciados relacionamentos, tenham o timbre da criatividade e da alegria, do olhar consciente e construtivo de esperança no futuro!

 

 

 

Prof. Dr. Wellington de Oliveira

Reitor da UNIFATEA