Menu fechado

Alunos voluntários participam de Acampamento VIDES

Alunos voluntários do UNIFATEA participam do Acampamento Vides para adolescentes, que foi realizado entre os dias 31 de agosto e 2 de setembro de 2018, na escola de Jécia Pinheiro e Obra Social das Filhas de Maria Auxiliadora, em Itapevi.

Ao total, participaram do acampamento 60 voluntários, vindos de doze presenças da FMA (Filhas de Maria Auxiliadora – salesianas). A coordenadora da Pastoral Universitária do UNIFATEA, irmã Silvana Soares, acompanhou os estudantes do UNIFATEA no acampamento. Participaram os alunos: Alvaro Oliveira, Ariana Lopes e Maria Gabriela Campos.

No primeiro dia, após a acolhida, foi realizado um momento de apresentação do espaço e da obra onde atua a Comunidade educativa. Na oportunidade, a diretora da obra social e escola Jécia Pinheiro, Ir. Maria do Carmo Souza, falou sobre a missão que se desenvolve no local.

Em seguida, Ir. Metka Kastelic, delegada do VIDES SP fez a abertura, acolhendo e motivando a experiência do acampamento de voluntariado, explicou o tema que inspirou o evento: “Minha vida pode mudar o mundo”. Após, os voluntários participaram de uma dinâmica de conhecimento e troca de experiências de voluntariado que cada grupo está realizando localmente.

Na mesma noite, nasceu o hino do evento, criado em um instante pela noviça Celene e a assessora Sara: “Minha vida pode mudar o mundo, preciso estar com os olhos e os ouvidos atentos, para perceber onde atuar e amar”.

A Inspetora, Ir. Helena Gesser, também se fez presente, por meio de um áudio mensagem aos jovens e participantes. Na oportunidade, ressaltou a urgência e a necessidade de que cada pessoa possa dar o melhor de si e olhar o mundo que está ao redor precisando da ajuda. “Coragem, vão para frente. Vocês são capazes!”

“O mundo precisa de pessoas responsáveis, disponíveis e generosas”, foram as palavras da Ir. Helena Gesser, que finalizaram o primeiro dia de encontro.

No segundo dia, foi iniciada a jornada com a formação salesiana. A noviça Celene Couto conduziu uma reflexão retomando a história da infância de Joãozinho e Main, mostrando como ambos na infância e juventude foram sensíveis à atitude prática de fazer o bem e viverem pequenas ações de voluntariado para as crianças e jovens do seu tempo. E assim, os grupos puderam discutir e conversar sobre as características de Dom Bosco e Maria Domingas Mazzarello.

Após a reflexão, os voluntários foram divididos em pequenos grupos, e colocaram em prática a ação do voluntariado colaborando para a melhoria dos ambientes da obra social: organização da biblioteca, pintura do parquinho, organização do jardim e da horta, pintura dos jogos no pátio. À noite o grupo realizou uma partilha da experiência e um momento de confraternização e amizade por meio de um Lual.

O último dia de acampamento, dia 2 de setembro, começou com a visita nos locais onde os voluntários realizaram uma ação de cuidado. Os representantes dos grupos apresentaram o trabalho feito e definiram a experiência por meio de uma palavra.

Ir. Metka retomou a reflexão dizendo o quanto os jovens são capazes e que os adultos precisam mudar a percepção que tem sobre a juventude, e acreditar mais na capacidade dos jovens.

Em seguida, o grupo acolheu a Gestora das Obras sociais da Inspetoria Santa Catarina, Rose Gomes e dedicou uma parte de manhã a conhecer a Rede Salesiana de Ação Social.

Depois o grupo fez um momento de reflexão sobre as ações concretas que pretendem realizar, especialmente em favor das meninas que muitas vezes não podem realizar o seu projeto de vida.

Em síntese, o grupo, de forma geral, se propôs a fortalecer os projetos articulando e planejando as diversas ações de voluntariado.

Para encerrar foi realizada uma Celebração com uma oração pela Paz no mundo.

“Deixamos o acampamento em Itapevi com uma mudança visível, mas, sobretudo conscientes de que os dias de convivência e partilha também mudou as nossas vidas”, afirma a coordenadora da Pastoral Universitária do UNIFATEA, Irmã Silvana Soares.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traduzir
Abrir WhatsApp.
Precisa de ajuda? Clique aqui.
Olá!
Você tem dúvidas?
Clique em "Abrir WhatsApp" para te ajudamos
%d blogueiros gostam disto: