Menu fechado

Com dois livros publicados, estudante de Jornalismo se inspira na vida para escrever poesias

Por Daniel Correa

A poesia é a forma mais pura e bela de expressar os sentimentos, seja por meio de frases enigmáticas ou apenas gritando palavras ao mundo. Foi dessa maneira que o estudante de Jornalismo, Gustavo Marcelino, usou de sua criatividade para escrever dois livros de poesias.

Gustavo, que atualmente está no 6º período do curso de Jornalismo, lançou seu primeiro livro, intitulado de “Poesias de um Trovador Incógnito”, em 2017. O livro de poesias tem uma característica romântica, onde o eu-lírico exalta a pessoa amada, em que explicita todos os seus sentimentos que afloram em relação as emoções causadas pelo amor.

Em seu segundo livro, “Sobre pessoas e coisas”, também de poesias, o estudante explorou o universo em que convive para se inspirar. Com um olhar mais maduro, as poesias contam sobre o cotidiano, as pessoas e a vida. De maneira mais crítico, o autor descreve o mundo da maneira em que ele vê, considerando principalmente, que as pessoas ao seu redor também contêm o mesmo julgamento.

O jovem já tem planos para o futuro, visando explorar ainda mais o mercado literário, como mesmo disse: “O terceiro livro, já em produção, será mais um de poesias com o nome “Lamentos de terceiro mundo”, que deve ser lançado ano que vem”.

A poesia é considerada uma das setes artes tradicionais, sendo considerada uma forma de arte que veio antes da escrita. Remetem-se às eras medievais em que os trovadores, poetas que utilizavam de instrumentos musicais para auxiliá-los a contar histórias.

Para adquiri-los, acesse: https://www.autografia.com.br/produto/sobre-pessoas-e-coisas/?fbclid=IwAR2YyMJ5jkk_PXBCBG53Sw4VTFVLdivFSfCQvlU4YsNpiBTVGCPAQdWiPOY

UNIFATEA, confiáveis como sempre, inovadores como nunca!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: