Menu fechado

Projeto Integrador de Pedagogia revive monumentos históricos e personalidades importantes do Vale do Paraíba

Nesta quinta-feira (17), os alunos do terceiro período do curso de Pedagogia do UNIFATEA apresentaram os trabalhos desenvolvidos na disciplina de Projeto Integrador. As apresentações tiveram início às 19h15 e foram transmitidas on-line pela plataforma Microsoft Teams. O momento contou com a presença especial de ex-alunos do curso e da comunidade acadêmica.

O trabalho, proposto pela Coordenadora do curso, Profª Drª Cristina Bento, teve como tema “Histórias e Memórias” e consistiu no desenvolvimento de um e-book educativo para crianças, tendo como princípio o estudo de personalidades e monumentos históricos dos municípios do Vale do Paraíba. Segundo a Profª Cristina Bento, “o PI proporciona a autonomia do aprendiz; o trabalho em equipe; a ampliação dos espaços de aprendizagem. Os projetos foram elaborados como forma de fortalecer a inovação a formação do pedagogo.”

Os temas escolhidos foram: Santuário Nacional de Aparecida (Aparecida), Dr. Arnolfo de Azevedo (Lorena), Túnel da Mantiqueira (Cruzeiro), Catedral de Santo Antônio (Guaratinguetá), Horto Florestal de Lorena (Lorena), Mirante do Pe. Léo (Cachoeira Paulista), Ruth Guimarães Botelho (Cachoeira Paulista), Tropeirismo (Silveiras), Museu Major Novaes (Cruzeiro), Pico dos Marins (Piquete), Malba Tahan (Queluz).

Para o aluno Emerson Gomes, o desenvolvimento deste projeto foi bastante enriquecedor, “principalmente por poder mergulhar um pouco mais na história”, relata. “Eu escolhi Frei Galvão, o primeiro santo brasileiro. Embora seja uma figura importante da nossa cidade, não vemos muitos conteúdos relacionados a ele para crianças… Elaborei alguns jogos interativos no WordWall, uma plataforma que nos foi apresentada pela Profª Ana Paula neste semestre. Estes jogos estão no meu trabalho com QR Code, é só apontar a câmera do celular, abrir e jogar!”.

Já a aluna Maria Clara Quintanilha, realizou a sua pesquisa em cima do Tropeirismo, movimento presente na história de sua cidade natal, Silveiras. Para ela, é de extrema importância a valorização da cultura da nossa região “para que todos tenham orgulho de quem são, conheçam seus ancestrais e sejam o futuro promissor”, completa. Maria Clara acredita que estamos passando por uma fase de modernização da educação, e que por meio de livros digitais e atividades lúdicas será possível entreter e incentivar jovens e crianças a não deixarem os estudos de lado, principalmente nos tempos que estamos vivendo.

Saiba mais sobre o curso de Pedagogia do UNIFATEA: unifatea.edu.br/licenciatura/pedagogia

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traduzir
%d blogueiros gostam disto: