Menu fechado

Dos laboratórios do UNIFATEA para o IMBio: ex-aluna do curso de Ciências Biológicas trabalha em parceria com Polícia Militar Ambiental

Nascida em Aparecida e residente da cidade de Guaratinguetá, Maura de Oliveira faz parte do grupo de voluntários do IMBio que trabalha em parceria com a Policia Militar Ambiental. Ela se formou pelo curso de Ciências Biológicas em 2006, no UNIFATEA, e nos conta um pouco de sua trajetória após sua formação e dentro do Instituto de Manejo da Biodiversidade.

Antes de iniciar seu curso na instituição, Maura estava em seu último ano de Licenciatura em Matemática e Ciências pela Unisal, em 2002. Tudo mudou quando foi surpreendida por seu professor Paulo Sena, que a orientou que seria iniciado o Curso de Ciências Biológicas no Centro Universitário Teresa D’Ávila.

Agora, trabalhando pelo IMBio, Maura nos conta que este foi o primeiro grupo de voluntários do IBAMA formado, em sua maioria, por alunos do curso de Ciências Biológicas do UNIFATEA. “A atuação do IMBio era, primordialmente, dirigida para o tratamento dos animais do Centro de Triagem de Animais Silvestres da Flona (Floresta Nacional) de Lorena e Educação Ambiental”, explica a bióloga.

Com o fim do Termo de Cooperação Técnica entre o IMBio e o IBAMA, em novembro de 2012, o Instituto passou a trabalhar em parceria com a Polícia Militar Ambiental, não somente com os animais silvestres, mas também com qualquer tipo animal. Com a expansão das atividades, surgiu a necessidade de ampliar os conhecimentos para atender melhor a fauna da região. “Houve a necessidade da formação de médicos veterinários, e assim, eu e outros colegas do curso de Ciências Biológicas, seguimos nossa carreira também na medicina”, esclarece Maura. Apesar do fim do Termo, o IMBio continua promovendo apoio ao IBAMA.

“Nosso curso de Ciências Biológicas foi incrível! Muita união, tudo era novo e empolgante, e os professores animadíssimos. Acredito que não houve outra turma igual! Havia muitos laboratórios, congressos e tínhamos muitos estagiários no IBAMA”, relata Maura sobre sua graduação, afirmando como foi empolgante e estimulante todo o período que estudou na instituição.

Desejamos à Maura muito sucesso e que o IMBio continue contribuindo para a fauna, e consequentemente, a flora da região!

Já fez sua inscrição no Vestibular 2022? Venha fazer parte da turma de Ciências Biológicas UNIFATEA se inscrevendo pelo site unifatea.edu.br/vestibular!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traduzir
%d blogueiros gostam disto: