Menu fechado

Inovação: aniversário do Parque Tecnológico do UNIFATEA reforça ações e parcerias de transformação social

Noite contou com conferência internacional e inauguração de espaço voltado aos negócios, pesquisas e desenvolvimento

Uma noite de festa e celebração pelo aniversário de um ano do Parque Tecnológico e Científico do UNIFATEA. Nesta quinta (08), o Centro Universitário Teresa D’Ávila celebrou com parceiros, estudantes e a sociedade o crescimento, o fortalecimento e solidificação de um sonho, de um empreendimento único em nossa região.

A celebração teve apresentação de dança, Conferência sobre Empreendedorismo Internacional e, inauguração do Espaço Empresarial Yassuo Imai. Os parceiros do parque marcaram presença e ‘colaram’ seu nome na história que está sendo construída em Lorena e região. Em um espaço destinado a quem acredita na inovação e transformação social as marcas foram colocadas ao lado da marca do parque, mostrando que é juntos que podemos mudar a realidade de muitas pessoas e vidas.

Para o professor do curso de Administração do UNIFATEA, Claudius D’Artagnan Barros, o parque propicia que a tecnologia chegue mais rápido as empresas, dando um suporte adequado para seu desenvolvimento. “Aqui estamos desenvolvendo projetos, o parque não existe sem as empresas, sem a comunidade corporativa. É por isso que os empresários precisam participar e aproveitar para aqui conosco desenvolverem projetos e pesquisas”, disse. A Associação Comercial de Lorena preserva e presa pela entrada no mercado de empresas sólidas. Segundo seu presidente, Ulisses Fucuda, consistência e embasamento podem ser conquistados com parcerias por meio do Parque Tecnológico. “As empresas poderão entrar mais capacitadas no mercado. Sofremos lá atrás, e aqui o caminho pode ser menos tortuoso, mais tranquilo, porque aqui pode-se fazer várias situações para incubação e startup, fazer relacionamento, networking empresarial. Acredito que Lorena conseguirá alavancar muitos negócios”, comenta.

Quem acredita e participa é a Valgroup de Lorena, presente há mais de 40 anos na cidade, esteve todo o tempo ao lado das atividades do UNIFATEA. “Estou muito feliz em participar, estivemos sempre presentes aqui e esse momento representa muito para nós. Vemos no Parque Tecnológico um espaço de preparo dos jovens e uma forma de trazer a tecnologia para dentro da indústria. Parabenizamos pelo evento e por essa oportunidade que se abre para a região”, comenta Kátia Zamot, gerente de recursos humanos da Valgroup.

Parcerias importantes estão sendo criadas também com o poder público, que cada vez mais está acreditando nas ideias e projetos, hoje Cruzeiro, Lorena, Cachoeira Paulista, Silveiras, Cunha, Roseira e Guaratinguetá estão ao lado e atuantes. “Entendo que todo o conhecimento e trabalho técnico, operacional está de encontro com as nossas necessidades, são muitos os benefícios da formação continuada para nossos profissionais médicos, enfermeiros, mas principalmente para a nossa população. Lorena pode comemorar estar nessa condição com instituição como essa e com tantas ferramentas para nosso desenvolvimento”, afirma Adailton José Pinto, secretário de Saúde de Lorena. Já para o diretor-presidente da Codesg (Companhia de Desenvolvimento de Guaratinguetá), João Vaz a inovação chega para toda a região. “Devemos sempre ver que a expansão chega a todos. As cidades do entorno de Lorena que também têm iniciativas precisam ter essa interligação, olhando para quem saiu na frente e se tornou um exemplo como temos aqui. Então quem pensa com essa vertente de inovação precisa se interligar e nós só temos a ganhar, principalmente aqui do Vale da Fé, Vale Histórico. Muito feliz de poder representara prefeitura de Guaratinguetá e sermos parceiros desse trabalho”, analisa.

Após apresentação e histórico do Parque Tecnológico e Científico do UNIFATEA, feito pela vice-reitora da instituição, Irmã Zenilde Fontes, foi realizada a conferência internacional com troca de ideias, experiências e expectativas para o futuro do negócio. A noite ainda teve homenagens. Receberam a Comenda Teresa D’Ávila, maior honraria do Centro Universitário, o professor D’Artagnan e a convidada especial Gisella Imai, presidente da IMC Internacional. Ela preside a empresa criada pelo pai Yassuo Imai que fez a doação de 1500 livros para o acervo do novo espaço de estudos, pesquisas e desenvolvimento da instituição, o Espaço Empresarial do UNIFATEA Yassuo Imai. Antes de cortar a fita, na companhia da reitora do UNIFATEA, Irmã Célia Regina Querido, Gisella discursou e se emocionou ao saber que o legado do pai continuará vivo. “Sinto que estou cumprindo uma missão, e o gostinho é cada vez melhor em saber que tudo isso foi desejo do meu pai. Poder fazer isso por ele também é especial. Em nome da minha família, que está muito feliz, eu venho para celebrar esse momento. Cada livro doado foi conquistado com muito suor, muita dificuldade, tudo é parte da sua coleção e hoje saber que vão ser usados por estudantes, isso dá uma sensação de que a história dele continua. Essa é uma missão do meu pai e da empresa multiplicar conhecimentos para todas as pessoas”, disse Gisella Imai.

Para o futuro, que para nós é hoje, o desejo é estar diante e atuante junto às transformações de comportamento, de criatividade, gerando valores e principalmente um legado. “Queremos dar suporte para que novas iniciativas sejam criadas e que surjam a partir daqui novos ambientes e espaços que proporcionem esse lugar de inovação, para que se preciso for as pessoas se sintam seguras em testar, errar, refazer, tenham tempo para modelar, treinar até conseguirem se posicionar e verificar o seu negócio gerando algo para sua comunidade. Temos essa expectativa em relação a academia, em que cada vez mais esteja voltada para o negócio, uma escola de negócio. Inclusive, a inauguração neste aniversário do Espaço Empresarial Yassuo Imai, dentro da nossa biblioteca, nos dá a referência e os caminhos, além de perspectivas de dialogar com empresas, universidades e comunidade em geral. A instalação, em breve, da unidade do Sebrae dentro da UNIFATEA também possibilitará acompanhar e auxiliar no desenvolvimento do empreendedor, seja ele nosso aluno ou parceiro”, finaliza a vice-reitora da UNIFATEA, Irmã Zenilde Fontes.

 

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traduzir
Abrir WhatsApp.
Precisa de ajuda? Clique aqui.
Olá!
Você tem dúvidas?
Clique em "Abrir WhatsApp" para te ajudamos
%d blogueiros gostam disto: